ponto de vista

sonoridades

arquivo »

vídeos e fotos

  • jornais A
  • Jornais B
  • Jornais C
  • Jornais D

não mudou nada

 O problema não foi resolvido. Só mudaram a cracolândia de lugar até a nova ofensiva repressiva dos aparelhos do Estado.
Jornal “Folha de São Paulo”, edição de segunda-feira, 30.01.2012, página C3.

imagens em destaque

 Confronto e massacre, em Pinheirinho, São José dos Campos (SP),  Folha de SP, 23.01.2012, pág C1. A foto mostra o  ”olhar” da polícia. Na edição não tinha o “olhar” dos manifestantes.
Jovens indianas daçam em festa comemorativa do Dia da Repúbica, em Nova Déli, Folha de SP, 27.01.2012, pág.C12. Imagem desfocada e plasticamente bonita.
Pinheirinho, São José dos Campos (SP), 23.0.2012, capa da Folha de SP. A regra não foi a polícia protegendo as pessoas, mas agredindo. Esta foto, na capa, passa uma subjetividade em que os manifestantes vandalizam e a polícia presente como agente do bem.
Violência na Cracolândia paulista. Capa do jornal “Estadão”, em 05.01.2012. A subjetividade desta foto é de que a polícia é condescendente com os usuários e que não age com violência.
Jornal “Estadão”,  caderno cidades,  pág C3, em 12.01.2012.  Uma população de marginais, de pessoas que estão à margem da sociedade, negros e mestiços e, fundamentalmente, pobres.
Jornal “Estadão”, dia 14.01.2012, capa co foto da violência na Cracolândia paulista. Uma imagem que mostra o que, de fato, aconteceu no processo de “limpeza” da cidade. A foto mostra a “eficiência e ação” do aparelho policial que “protege” a sociedade. Esta é a subjetividade.
Cracolândia paulista, Caderno Cotidiano, pág C3 em 06.01.2012, jornal “Folha de SP”. O convívio com a miséria que “incomoda e pertuba” as pessoas do bem.

 

as fotos da coluna da esquerda são dos escritores  Truman Capote com destaque para o livro “A sangue-frio”; Carlos Fuentes com destaque para “A morte de Artemio Cruz”;  James Baldwin com “Numa terra estranha”; e por último Norman Mailer com destaque para toda a obra.

nossos olhares

   Verão de 2012. Centro de Porto Alegre, sede de mais um Fórum Social Mundial. No Largo Glênio Peres, temperatura é de 32 graus já no meio da manhã. Prédio reformado na esquina da rua Voluntários da Pátria.

as fotos da coluna da esquerda são dos escritores  Truman Capote com destaque para o livro “A sangue-frio”; Carlos Fuentes com destaque para “A morte de Artemio Cruz”;  James Baldwin com “Numa terra estranha”; e por último Norman Mailer com destaque para toda a obra.

kodak, inventora da câmera digital, pede concordata

 Folha de São Paulo, edição de sábado, 07 de janeiro de 2012, pág.E7. Ela dizia que ” Marilyn intuitivamente sabia mais sobre fotografia do que qualquer um. O que se vê é o que ela quer mostrar, e ela sempre mostrava mais do que qualquer outro mostraria.”

a  kodak foi a inventora da máquina fotográfica digital

 Jornal Folha de São Paulo, edição de 20.01.2012, pág. B8.
A Kodak, em 1975, inventa a primeira câmera digital, mas não lança o produto comercialmente para proteger o negócio da venda de filmes.

as fotos da coluna da esquerda são de um cd com uma coleção de cinco mil postais franceses do início do século passado.